Git
Chapters ▾ 2nd Edition

3.3 Branches no Git - Gestão de Branches

Gestão de Branches

Agora que você criou, mesclou e excluiu alguns branches, vamos dar uma olhada em algumas ferramentas de gerenciamento de branches que serão úteis quando você começar a usar o tempo todo.

O comando git branch faz mais do que apenas criar e excluir branches. Se você executá-lo sem argumentos, obterá uma lista simples de seus branches atuais:

$ git branch
  iss53
* master
  testing

Observe o caractere * que no início do master: ele indica o branch que você fez check-out (ou seja, o branch para o qual HEAD aponta). Isso significa que se você fizer commit neste ponto, o branch master será movido para frente com seu novo trabalho. Para ver o último commit em cada branch, você pode executar git branch -v:

$ git branch -v
  iss53   93b412c Fix javascript issue
* master  7a98805 Merge branch 'iss53'
  testing 782fd34 Add scott to the author list in the readme

As opções --merged e --no-merged podem filtrar esta lista para branches que você tem ou ainda não mesclou no branch em que está atualmente. Para ver quais branches já estão mesclados no branch em que você está, você pode executar git branch --merged:

$ git branch --merged
  iss53
* master

Como você já mesclou o iss53 anteriormente, você o vê na sua lista. Branches que aparecem na lista sem o * na frente deles geralmente podem ser deletados com git branch -d; você já incorporou o trabalho deles em outro branch, então não vai perder nada.

Para ver todos os branches que contêm trabalhos que você ainda não mesclou, você pode executar git branch --no-merged:

$ git branch --no-merged
  testing

Isso mostra seu outro branch. Por conter trabalho que ainda não foi mesclado, tentar excluí-lo com git branch -d irá não irá executar:

$ git branch -d testing
error: The branch 'testing' is not fully merged.
If you are sure you want to delete it, run 'git branch -D testing'.

Se você realmente deseja excluir o branch e perder esse trabalho, pode forçá-lo com -D, como mostra a mensagem.

Tip

As opções descritas acima, --merged e --no-merged irão, se não for dado um nome de commit ou branch como argumento, mostrar o que é, respectivamente, mesclado ou não mesclado em seu branch current.

Você sempre pode fornecer um argumento adicional para perguntar sobre o estado de mesclagem em relação a algum outro branch sem verificar esse outro branch primeiro, como: O que não foi feito merge no branch master?

$ git checkout testing
$ git branch --no-merged master
  topicA
  featureB